bombas-de-calor

Neste documento vamos explicar o uso da energia geotérmica na vertente bombas de calor geotérmico.

Desmistificamos aqui o que para muitos se tornou um grande mistério, tudo em redor da bomba de calor, algo que teoricamente todos sabemos o que é e em que consiste, mas que muitos poucos sabem explicar quando solicitado.

Tudo começa com o sol. O sol aquece a nossa atmosfera e a camada exterior da crusta terrestre. Num ano, a energia enviada pelo sol para a Terra é 50 vezes superior ao consumo total de energia no nosso planeta. Isto torna o sol numa enorme e interminável fonte de energia.

Nos dias ensolarados, podemos sentir a energia térmica do sol na nossa pele. Mas na realidade, existe sempre imensa energia térmica no ar, mesmo em dias frios de inverno e até de noite.

E não apenas na Florida ou no Sul da Europa, mas inclusive em países como a Suécia ou a Noruega onde milhares de lares já possuem bombas de calor.

Porque é que as pessoas não escolhem esta tecnologia?

As bombas de calor permanecem um mistério para a maioria das pessoas. O conceito de troca de calor a partir de uma fonte fria para um interior frio pode não ser intuitivo para todos numa primeira análise.

Funcionamento Bombas Calor Geotérmicas

Uma bomba de calor apenas necessita de uma fonte de calor (ar exterior), dois permutadores de calor (um para absorver e outro para libertar o calor) e uma relativamente pequena quantidade de energia motriz para manter o sistema em andamento.

Uma bomba de calor extrai energia térmica do ambiente sendo a fonte é o ar exterior.

A bomba extrai energia a uma certa temperatura, aumenta essa temperatura e liberta-a num meio que, nos casos mais comuns é a água que vai para os radiadores de baixa temperatura, sistema de chão radiante ou unidades ventilo-convectoras.

Entre estes dois meios, o calor é movido por intermédio de um fluido de trabalho.

Veja as seguintes animações em FLASH sobre o funcionamento das Bombas de Calor Geotérmicas

Clique em Português para a tradução e interaja com a animação

MODO BOMBA DE CALOR

MODO BOMBA DE CALOR REVERSÍVEL

MODO ARREFECIMENTO PASSIVO

Usos mais comuns para as Bombas Calor Geotérmicas

Utiliza-se muito bombas de calor em aquecimento de água de piscinas devido a grande eficiência energética que apresentam, em comparação com outros meios como resistências ou gás. Por exemplo para aquecer uma mesma quantidade de água gasta-se com uma bomba de calor apenas 20% do que seria gasto com resistências eléctricas.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

8
DEIXE O SEU COMENTÁRIO

6 Comentários da discussão
2 Respostas aos comentários
0 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
7 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Érika

Seria Possível utilizar as bombas de calor para movimentar um automóvel?

h. Rodrigues

Necessitava que me informem se é fácil a instalação, e o montante para substituir o cilindro por Bomba de calor

obrigado

FABIO LUIZ TROIAN

Prezados senhores! Sou geólogo e dectei no sul do BRASIL um campo geotérmico, sendo que em poço de 880 metros de profundidade tenho água a 44Graus centigrados.
Existe algum tipo de bomba que eu possa extrair energia elétrica?? Ou se fizer um poço mais profundo e com maior temperatura. AS VAZÕES SÃO DE 200.000 litros hora.
Fico no aguardo!!
ATT!
TROIAN – GEOLOGIST

antonio

se têm muito dinheiro de o aos pobres porque para radiadores quem lhes disser que da está a engana lo

Rosa Mota

Gostaria de saber se a Bomba de calor é utilizavel par o aquecimento central com radiadores não radiantes ( nem chão nem paredes) para uma moradia grande.
Rosa Mota

Lino

bem, rosa , sabe que para haver transferência de energia (neste caso calor) de te haver uma superfície ou um meio de contacto! no entanto esses radiadores aumentam essa área de contacto quer para aquisição quem para dispersão. o que quero dizer é que, possui um sistema de Bomba de calor que nao possua radiantes quer sejam introduzidos nas paredes ou no chao… só se fosse atraves de disperçao da humidade criada nas bombas de calor, sendo elas humidades frias para refrigeração, ou quentes para aquecimento. Mas, aqui levantava-se outro problema, o interior da habitação muito humida implicaria um sistema de desumidificação, isto é, mais investimento e ao fim ao cabo, um desperdício de um sistema… Read more »