Stellantis - Veículos Elétricos a Hidrogénio

A Stellantis prepara-se para diversificar a sua oferta ao anunciar o início da produção em série de carros a hidrogénio com pilha de combustível.

Os novos veículos serão fabricados em Hordain, em França, e resultam de um investimento de 10 milhões de euros.

Stellantis aposta na produção de carros a hidrogénio

Com um grande foco na eletrificação dos seus veículos, a Stellantis tem procurado adaptar a sua oferta para uma solução mais verde e com baixas emissões.

Com este objetivo, o grupo europeu decidiu alargar o leque de opções ao investir na produção de carros a hidrogénio com célula de combustível.

Estes veículos serão produzidos na fábrica de Hordain, onde 43% dos modelos produzidos já é elétrico. Esta evolução resultou de um investimento de mais de 10 milhões de euros suportados pelo grupo em parceria com o Governo Francês.

Em Hordain serão assim produzidos o Peugeot Expert, o Citroën Jump e o Opel Vivaro, três veículos comerciais ligeiros que irão receber uma versão a hidrogénio.

Fábrica de Hordair recebe novo espaço de 8000 m2 dedicado aos veículos a hidrogénio

Stellantis - Veículos Elétricos a Hidrogénio
Stellantis – Veículos Elétricos a Hidrogénio

Para a produção destes automóveis, será utilizada uma plataforma reforçada a partir da carroçaria em branco. Esta será produzida na linha multienergia da fábrica. Este é também o local onde já se produz atualmente as versões com motores elétrico e de combustão do “K-Zero” (Furgões médios).

Daí, seguirá para as fases de pintura e montagem, ambas na mesma linha de produção que as versões a combustão e eletricidade. Depois, irá entrar nas novas instalações de 8.000 m² dedicadas exclusivamente para os veículos elétricos a hidrogénio.

Neste local, uma equipa ficará responsável por terminar o processo, instalando o depósito, as baterias adicionais e a pilha de combustível.

Comparado aos primeiros testes-piloto realizados em Rüsselsheim, na Alemanha, este novo processo permite reduzir para metade o tempo de produção destes automóveis.

Versões a hidrogénio serão focadas na distribuição de longa distância

Os veículos “K-Zero” desenvolvidos com pilha de combustível serão destinados aos profissionais de distribuição de longa distância.

Como estes necessitam de uma autonomia superior e de um tempo de carregamento mais curto, sem comprometer a capacidade de carga, esta torna-se a solução ideal.

Estes automóveis a hidrogénio irão oferecer uma autonomia de, pelo menos, 400 quilómetros, um carregamento de 3 minutos simular ao de um carro a combustão e a possibilidade de transporte de 1000 kg de carga útil.

Stellantis pretende produzir 500 carros a hidrogénio anualmente  nesta fábrica

Com este investimento, a Stellantis pretende produzir anualmente em Hordair 500 veículos comerciais a hidrogénio.

Atualmente, trabalham nesta fábrica 2440 colaboradores que produzem uma média de 628 carros por dia.

Video – Stellantis: Célula de Combustível a Hidrogénio

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui