Instalação de painéis solares fotovoltaicos

À semelhança de anos anteriores, também 2022 começou com o aviso dos vários bens essenciais que sofreram ajustes no seu preço, entre eles os serviços de eletricidade.

Para clientes do mercado regulado, o aumento do preço de energia é de 0,2% e, no caso de consumidores do mercado livre, a diferença nas suas faturas irá depender da decisão de cada comercializadora, sendo que por exemplo, o acréscimo para os clientes da EDP Comercial ronda os 2,4%.

Mas não existe forma de contornar as mudanças do mercado energético?

De acordo com a Selectra empresa especialista na comparação de tarifas de eletricidade e gás-, a solução para evitar esta incerteza anual sobre quanto irá pagar pelos serviços de energia, pode passar pelo recurso às energias renováveis, nomeadamente através da utilização de painéis solares que, para além de utilizarem energia 100% verde, são também capazes de ser grandes aliados de poupança.

Os painéis solares são mesmo uma alternativa ao aumento do preço da eletricidade?

Que tipo de painéis solares existem?

Existem dois tipos de painéis solares:

Painéis Solares Fotovoltaicos: utilizados para produzir eletricidade, capaz de iluminar as lâmpadas da sua habitação ou de manter os eletrodomésticos em funcionamento, conheça as principais vantagens e desvantagens dos painéis solares fotovoltaicos.

Preço dos painéis solares
Painéis Solares Fotovoltaicos

Painéis Solares Térmicos: através do armazenamento de energia num depósito próprio, conseguem aquecer a temperatura da água ou ainda servir como apoio aos sistemas de aquecimento central.

principais-avarias-paineis-solares-termicos
Painéis Solares Térmicos

Por terem um maior número de aplicações, e por poderem ser utilizados tanto em locais remotos como em locais com acesso à energia elétrica, os sistemas fotovoltaicos são normalmente os escolhidos pelos consumidores para abastecerem as suas residências.

No entanto, a produção de apenas um painel fotovoltaico não é muito significativa, sendo que os mais comuns costumam rondar entre os 90 a 375 kWh/ano de eletricidade, o que equivale, este último, ao consumo anual de um frigorífico e uma máquina de lavar, não sendo isto suficiente para cobrir as necessidades energéticas de uma família.

Neste sentido, apresentamos abaixo uma estimativa de quantos painéis solares irá necessitar se pretender ter energia 100% verde na sua habitação, de acordo com os seguintes dados de consumo:

Paineis Solares segundo consumo
Painéis solares segundo consumo

Para saber qual é o seu nível de consumo, basta consultar uma das faturas de eletricidade e com essa informação, poderá ter já uma noção de quantos painéis terá de adquirir e qual será o valor do investimento.

Além do mais, é de referir que em certos casos será também interessante a aquisição de baterias solares, principalmente em regiões com índices mais elevados de nebulosidade, uma vez que estas conseguem armazenar energia para ser consumida nos momentos em que não for possível usufruir de radiação solar direta.

Posso obter apoio para a instalação de painéis solares?

O preço dos painéis solares é variável e depende de vários fatores como o seu nível de potência, caraterísticas, se tem ou não bateria incluída ou ainda da empresa que os comercializa.

No entanto, adquirir um kit de 10 painéis fotovoltaicos custa entre os 2.500€ e os 8.000€, sendo que este inclui:

  • Painéis solares fotovoltaicos
  • Inversor
  • Medidor de corrente
  • Gestor do sistema
  • Bateria (depende)

Apesar de serem uma boa fonte de poupança, os painéis solares ainda não têm uma forte adesão por grande parte dos portugueses por necessitarem de um investimento inicial considerável.

No entanto, a boa notícia é que até março deste ano, pode candidatar-se à 2ª fase do Programa de Apoio Edifícios +Sustentáveis que tem como objetivo comparticipar este tipo de projetos por parte de proprietários de moradias, apartamentos ou prédios de habitação multifamiliares.

Mas para isso tem de seguir algumas regras como ter os equipamentos instalados e totalmente pagos antes do momento da inscrição, sendo que o montante máximo de comparticipação é de 2.500€.

Qual o valor de poupança que posso esperar?

O nível de poupança irá divergir entre consumidores, uma vez que depende de aspetos como
número de painéis solares instalados, o valor das suas potências, o seu nível médio de consumo, a região onde reside, entre outros.

Não obstante, os custos de eletricidade podem ser reduzidos entre 50% a 70%, o que equivale a uma poupança entre os 400 a 1000 euros anuais.

Tendo Portugal a vantagem de ser um dos países europeus com mais horas de sol por dia, chegando às cerca de 2500 horas/anuais, recorrer a um sistema de energia solar é uma excelente solução não só para ajudar o meio ambiente, como também a sua carteira, isto porque de acordo com a especialista de energia, o montante de poupança obtido irá compensar em grande medida o investimento inicial, sendo estimado que o retorno começará a aparecer a partir dos 5 anos.

Relembramos que uma correta manutenção tem influência na eficiência energética com o consequente impacto no tempo de retorno do investimento. Saiba tudo sobre as principais tarefas de manutenção e reparação de painéis solares térmicos.

Outros conselhos para poupar energia

  • Privilegie lâmpadas LED ou de baixo consumo;
  • Mantenha a temperatura de sua casa idealmente nos 25º no inverno e 22º no verão;
  • Evite deixar equipamentos em stand-by;
  • Diminua a temperatura da água quente do esquentador;
  • Adapte a potência de eletricidade contratada ao seu consumo

Vídeo – Como funcionam os Painéis Solares?

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui