Tecnologia Golden Sandwitch

Investigadores do Instituto de Ciência Eletrónica da Universidade Hokkaido desenvolveram nova tecnologia no âmbito da energia solar.

Um fotoelétrodo que consegue aproveitar 85% da luz solar, a que deram o nome de “Golden Sandwich”. Este fotoelétrodo permite dividir a água e criar hidrogénio.

É ainda uma experiência, que ainda não chegou à produção comercial, mas irá ser uma revolução no mundo das energias renováveis! Pense que este novo método de produção de energia, neste caso produz hidrogénio, irá revolucionar o mercado dos combustíveis!

Método inovador converte luz solar em combustível

Esta descoberta da Universidade de Hokkaido vai permitir a produção de novas tecnologias capazes de produzir energia renovável com uma eficiência 11 vezes maior aos atuais sistemas!

Claro que ainda não sabemos quando teremos a versão comercial, nem podemos especular acerca do seu preço final de aquisição…

Pois se o valor desta nova tecnologia for também de 11 vezes perante os atuais valores praticados, então ficamos na mesma… não há qualquer benefício! Mas ainda assim, imaginemos a obtenção de energia renovável 11 vezes superior às capacidades atuais, mas apenas a partir de um único fotoelétrodo!

A tecnologia inovadora por detrás do “Golden Sandwich

A pergunta que deve estar a fazer neste momento, é qual o segredo por detrás da tecnologia Golden Sandwich

Bem, tem por base duas camadas, uma constituída por dióxido de titânio de 30 nanómetros de espessura e ouro com 100 nanómetros de espessura e a outra camada com nano partículas de ouro.

Tecnologia Golden Sandwitch
Tecnologia Golden Sandwitch

Ora, quando a luz solar incide sobre a camada de nano partículas, o ouro reage como um espelho, aprisionando a luz no espaço entre as duas camadas de ouro. Isso vai permitir que as nano partículas absorvam a luz disponível, que por sua vez nos dá este espetacular valor de conversão de energia (85%)!

As nano partículas desenvolvem um fenómeno denominado ressonância plasmónica localizada, que absorve certos comprimentos de onda de luz.

O nosso fotoelétrodo criou com sucesso uma nova condição na qual o plasmon e a luz visível são aprisionadas na camada de óxido de titânio e interagem entre si, permitindo que a luz com um comprimento de onda largo seja absorvida pelas nano partículas de ouro”, diz Misawa, diretor do estudo. Complementa dizendo que “esta conversão de energia tem uma eficácia de 11 vezes superior às tecnologias tradicionais”.

Combustível libertado pela Golden Sandwich

Como resultado, temos a formação de hidrogénio, que é um componente importante na economia das energias limpas para o futuro.

É que atualmente o hidrogénio provem da refinaria de gás natural, através de um processo chamado fracking. Ou seja, o processo atual é providenciado a partir de um método de energia não limpa, e também considerado um método não natural de obtenção do mesmo.

Assim, recorrendo a pequenas quantidades de material, com esta tecnologia inovadora, de um fotoelétrodo de dupla camada (a que deram o nome de Golden Sandwich) vamos conseguir converter a luz do sol em energia renovável, e assim no futuro termos uma sociedade ainda mais sustentável!

Esta nova descoberta irá também ajudar a reduzir as emissões de carbono, que atualmente já deixam o planeta sobre grande stress…

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  Subscrever  
Notificação de