Motor de plástico - Carros Elétricos

Inovação na tecnologia dos motores elétricos pode baixar preço de carros elétricos e reduzir o seu peso com uso de motores de plástico.

Já o dissemos em algum momento: o peso é o principal obstáculo do carro elétrico. Sendo mais concreto, da sua autonomia, isso gerou uma obsessão para melhorar a aerodinâmica dos veículos e reduzir o seu peso.

Como vão funcionar os motores de Plástico

E dentro dessa problemática, o Instituto Fraunhofer de Tecnologia Química, em colaboração com o Instituto de Tecnologia de Karlsruhe, descobriu um novo elemento que pode ser aliviado: os próprios motores de carros elétricos.

Porque eles entendem que ao substituir o invólucro de metal que o transporta por um de plástico, ele pode melhorar ainda mais o carro elétrico.

Além disso, permitiria aproveitar 98% da energia gerada por um motor elétrico. Devido à carcaça de metal, 10% desta energia é perdida devido a perdas de calor, e embora os motores dos carros elétricos já sejam muito eficientes, desta forma seria possível torná-los quase 100% eficientes.

As perdas ocorrem porque o alojamento de metal guia o calor para uma manga de arrefecimento para evitar o sobreaquecimento. E isso seria evitado com este invólucro de plástico e cabos retangulares planos substituindo os redondos. Desta forma, haveria uma economia de espaço que permite dissipar o calor dentro do motor.

Os plásticos utilizados para o desenvolvimento deste projeto são termo-estáveis ​​e são reforçados com fibra, o que também permite reduzir os custos de produção. De facto, de acordo com os próprios pesquisadores, esses protótipos são construídos em apenas quatro minutos. Portanto, se eles são tão confiáveis ​​como os motores atuais, pode ser um grande avanço para os carros elétricos.

Ao realizarem este projeto, as marcas poderiam tornar os carros elétricos mais acessíveis. Assim, resolveriam outra das grandes queixas do público interessado neste tipo de mobilidade.

Um dos desafios do carro elétrico é, entre outras coisas, reduzir o seu peso, que é principalmente mais pesado devido às baterias. Outro dos componentes mais pesados ​​em qualquer carro é o motor, mas agora os pesquisadores do Instituto Fraunhofer estão a trabalhar em conjunto com o Instituto de Tecnologia de Karlsruhe para desenvolver um novo motor elétrico feito de materiais poliméricos (plásticos) que não só reduz o peso como também reafirma o conceito de refrigeração, aumentando ainda mais a eficiência do motor elétrico.

Motor elétrico do projeto DEMIL
Motor elétrico do projeto DEMIL. O núcleo do motor é um estator que é constituído por doze dentes individuais.

A ideia é usar polímeros como material para a carcaça do motor e aumentar significativamente a densidade de potência.

Existem três pontos-chave que desempenham um papel decisivo na melhoria de um motor elétrico:

  1. Alta densidade de potência;
  2. Design compacto;
  3. Altos níveis de eficiência.

Este projeto chama-se ‘DEMIL’, uma abreviatura que em alemão significa “Directly-cooled electric motor with integrated lightweight housing”.

VÍdeo do motor elétrico do PROJETO DEMIL

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

2 COMENTÁRIOS

  1. a ideia é reduzir a poluição pois o plastico e reciclavel , e com peso menor os motores se tornão mais eficientes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui