Madrid proíbe carros Combustíveis Fósseis

Os carros movidos a motor de combustão interna têm os anos contados. Já a partir do próximo dia 23 de novembro, esses veículos passarão a estar proibidos de circular no centro de Madrid, em Espanha.

O objetivo desta iniciativa é promover a qualidade do ar e caminhar para uma sociedade em que irão reinar os veículos elétricos.

A partir desse dia, apenas poderão circular no centro de Madrid, os veículos híbridos plug-in e os veículos elétricos.

Os veículos Plug-In apenas terão autorização para circular no centro de Madrid os que têm autonomia de no mínimo 40 Km.

A medida é bastante ambiciosa, mas abre a exceção para taxistas e residentes. Os residentes serão os únicos autorizados a circular com carros a gasóleo e gasolina, bem como a estacionar nas ruas da cidade. Quem não é residente terá de utilizar uma garagem.

O intuito também é introduzir limites de velocidade de 30km/hora, aumentar os passeios e devolver os espaços públicos aos cidadãos com uma maior qualidade de ar.

Para assegurar o cumprimento das regras foram instaladas câmaras de vigilância. Quem for apanhado a circular no centro de Madrid com um carro movido a motor de combustão interna, sujeita-se ao pagamento de uma multa de 90 euros.

Outras cidades na Europa também estão a começar a implementar regulamentações cada vez mais rigorosas em termos de emissões de poluentes, como Oslo. Até 2025, a câmara de Madrid pretende que não haja qualquer exceção nesta medida.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  Subscrever  
Notificação de