Os 10 carros elétricos com mais autonomia

Quer comprar um veículo elétrico? Governo vai aumentar apoios e incentivos para a transição de carros a combustão para elétricos.

Até ver, o Governo Português, disponibiliza apoios aos portugueses que queiram investir num veículo elétrico. Em 2018, esse apoio rondou os 2.65 milhões de euros, e para 2019 esse valor vai aumentar até 3 milhões de euros.

É caso para dizer, para se esperar pelo próximo ano para ver quais as medidas e só depois avançar para a tão desejada compra de um veículo elétrico.

Estes apoios passam por um apoio fiscal para a aquisição de veículos elétricos, bem como uma nova aposta na descarbonização e redução dos tarifários no transporte público! Não será apenas na compra direta dos veículos elétricos, mas sim nos incentivos para usar transportes públicos elétricos.

Incentivos para veículos elétricos

José Menes, secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, revelou que em 2019 irão ser disponibilizadas mais verbas para o apoio à compra de veículos elétricos em Portugal; um apoio que não se vai cingir apenas aos automóveis, mas a todo o tipo de veículo elétrico, como moto e bicicletas elétricas.

Estes apoios vão no sentido de em 2040 se atingir um objetivo europeu, subscrito por vários países como Espanha, França e Alemanha, que é a partir desse ano deixarem de ser comercializados veículos com motores a combustão!

Até 2030 há o objetivo, por parte do Governo, de criar mais de mil quilómetros de ciclovias, investimento total acima de 300 milhões de euros. Isto para colocar em prática “um conjunto de politicas que nos permita reduzir substancialmente o volume de emissões de gases de com efeito de estuda, nomeadamente CO2”, segundo disse o secretário de estado.

É que ao reduzirmos o volume das emissões de carbono para a atmosfera iremos abrandar o aquecimento global; cujo objetivo se pretende alcançar para 2050 (a neutralidade carbónica), e para tal há que “reduzir as atuais 70 megatoneladas de CO2 por ano que são atualmente emitidas para menos de 10 megatoneladas por ano”.

Outro ponto previsto nas medidas de incentivo aos veículos elétricos, é a renovação de frotas de autocarros. O objetivo passa por nas grandes cidades termos autocarros a gás natural ou movidos a eletricidade, num número aproximado de 715 autocarros, bem como expandir os projetos de metro na grande Lisboa e no grande Porto!

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  Subscrever  
Notificação de