Diesel Care

Care Diesel promete menos 65% de emissões de gases efeito de estufa! Este novo combustível ainda se encontra em fase de testes, mas a verdade é que não provem de gasóleo de produtos fósseis.

O Care Diesel, ou “gasóleo do futuro”, provém de resíduos, óleo de cozinha reciclado e mesmo derivados de petróleo, como a graxa. Está assim a ser visto como o mais provável carrasco do gasóleo tradicional, isto se todos os testes forem positivos.

Esta notícia surge numa altura em que o gasóleo tem sido grande tema de debate nos últimos meses. Tanto, que vários construtores automóveis já deixaram de lado a produção de veículos a combustão baseados no gasóleo. Mas ainda assim, há quem queira gasóleo mais limpo!

Quem desenvolveu o Care Diesel?

Assim, com a busca do gasóleo mais limpo, os finlandeses da Neste, desenvolveram esforços e criaram um combustível especial. A que lhe deram o nome de Care Diesel (traduzindo, gasóleo que se preocupa).

É assim um combustível limpo, produzido sem gasóleo de combustíveis fósseis. Composto somente por resíduos, óleo de cozinha reciclado e derivados de petróleo como a graxa.

Está já a ser produzido e distribuído na Alemanha, mas apenas em fase de testes. A empresa Toolfuel é a responsável pela produção e distribuição, sendo que todo o combustível vai para a Bosch, que está a testar o mesmo nas suas máquinas!

Benefícios do Care Diesel vs Gasóleo Normal?

Segundo a empresa produtora, o Care Diesel permite a redução das emissões de CO2 em cerca de 65%, quando comparado com o diesel produzido a partir de combustíveis fósseis.

Este combustível mais amigo do ambiente pode vir a ser uma excelente solução para quem adquiriu carros a gasóleo. Pois durante anos este tipo de carros era adquirido por particulares e empresas por deterem consumos mais baixos. Agora que o gasóleo está envolto em polémicas, pode vir a ser uma boa solução, tendo por base os dados da Neste.

Diesel Care

Outra vantagem é a redução do CO2. Pois emissões mais baixas irão ajudar a travar a batalha em curso contra o gasóleo, mas a grande questão que importa também saber é… irá este combustível ser produzido a larga escala, capaz de suprimir as necessidades do parque automóvel a gasóleo?

O facto de ser menos poluente, é menos eficiente?

Não. Segundo a empresa que desenvolveu o Care Diesel, este tem uma eficiência em tudo semelhante ao gasóleo normal. Mas tem um grande beneficio, visto ser menos poluente, os filtros de partículas, não precisam de uma regeneração tão constante e frequente.

Outro pormenor a ter em conta… na atualidade, grande maioria dos carros já têm elevados padrões de redução de gases poluentes e como tal, ao usarem o Care Diesel, terão uma redução de gases ainda maior, se bem que ainda não se sabe se muito significativa.

Qual o preço do Care Diesel?

Irá o Care Diesel ser mais caro que o gasóleo normal? Ora, como ainda não está a ser comercializado, nem produzido a grande escala, ainda não se tem noção de qual o verdadeiro valor de venda ao público.

De momento é distribuído para a Bosch e usado por estes nas suas máquinas, logo não se encontra à venda em postos de abastecimento.

Mas em todo o caso, a empresa dona pela patente deste combustível, a Neste, diz que será um produto um pouco mais caro que o gasóleo convencional. Custo relacionado com os custos de produção.

Care Diesel promete menos 65% de emissões de gases efeito de estufa! Este novo combustível ainda se encontra em fase de testes, mas a verdade é que não provem de gasóleo de produtos fósseis.

O Care Diesel, ou “gasóleo do futuro”, provém de resíduos, óleo de cozinha reciclado e mesmo derivados de petróleo, como a graxa. Está assim a ser visto como o mais provável carrasco do gasóleo tradicional, isto se todos os testes forem positivos.

Esta notícia surge numa altura em que o gasóleo tem sido grande tema de debate nos últimos meses. Tanto, que vários construtores automóveis já deixaram de lado a produção de veículos a combustão baseados no gasóleo. Mas ainda assim, há quem queira gasóleo mais limpo!

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

1
DEIXE O SEU COMENTÁRIO

1 Comentários da discussão
0 Respostas aos comentários
1 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
1 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
Carlos Rufino

Parece ser mais um tipo de bio-diesel, só que sem cascas para queimar, e necessitando de alta temperatura para quebrar as moléculas, nesse caso vai poluir na forma da queima de carvão mineral. Tá é menos poluente que o gasóleo de petróleo, más e a soma carvão+care diesel?