Fábrica Tesla - Buffalo

As proporções do COVID-19 a nível mundial faz com que Tesla reabra fábrica de painéis solares para produzir ventiladores pulmonares.

A Tesla anuncia que vai reabrir fábrica de painéis solares que estava paralisada devido à pandemia do COVID-19 e iniciar a produção de ventiladores pulmonares com a maior brevidade possível.

Tesla inicia produção de ventiladores pulmonares

A fábrica de painéis e módulos solares em Bufallo (estado de Nova Iorque) vai produzir ventiladores pulmonares que são cruciais para a sobrevivência dos doentes infetados pelo novo Coronavírus.

A fábrica estava encerrada de forma preventiva devido a esta fase pandémica, no entanto Elon Musk anunciou através das redes sociais:

“A fábrica de Nova Iorque será reaberta para a produção de ventiladores assim que for humanamente possível. Nós iremos fazer tudo o que for possível para ajudar os cidadãos do estado.”

O CEO da Tesla, Elon Musk utilizou o vídeo do CEO da Medtronic (Omar Ishrak) para adiantar através de comentário direto ao vídeo que:

“Estamos fazendo progressos. Faremos o necessário parar ajudar a comunidade nessa época de dificuldades”

A empresa Medtronic é especialista em equipamentos médicos, sendo a Tesla uma das empresas parceiras que irão permitir aumentar e acelerar o processo de produção de ventiladores pulmonares nos Estados Unidos da América.

Vídeo da Medtronic sobre a aceleração da produção de ventiladores pulmonares

A fábrica da Tesla em Buffalo e a fábrica de carros elétricos em Fremont na Califórnia foram encerradas de forma preventiva face às medidas de restrição e as quarentenas decretadas pelas autoridades locais.

A intenção inicial da Tesla era manter a fábrica de Buffalo a produzir componentes críticos e manter a continuidade das operações básicas na fábrica de Fermont, uma vez que a opinião de Elon Musk foi que o pânico poderia causar mais danos que o próprio COVID-19.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui