Adeus veículos a combustão

De acordo com um estudo da Federação Europeia, para conseguirmos cumprir a meta de terminar com o carbono em 2050, os países dentro da Europa não devem permitir a circulação de veículos a gasolina nem a gasóleo até 2035.

Já várias cidades europeias estão a adotar a legislação para essa realidade, propondo aumento de impostos e incentivos para quem adquire veículos totalmente elétricos. Por exemplo, a partir de 23 de Novembro, todos os veículos movidos a motor de combustão interna estarão proibidos de circular no centro de Madrid, em Espanha.

Quem não cumprir com esta regra, sujeita-se ao pagamento de uma multa de 90 euros.

A ideia da capital espanhola é banir completamente a circulação de carros poluentes, com o intuito de melhorar a qualidade do ar.

Recentemente, o Governo Espanhol apresentou uma intenção ainda mais forte: impedir a circulação de veículos movidos a combustíveis fósseis e híbridos a partir de 2040. Para ajudar a cumprir essa legislação, o Governo pretende proibir a emissão de matrículas para esses veículos.

Esta lei ainda não foi aprovada, mas seria aplicada a partir de 2040, tendo sido criada no âmbito do combate às alterações climáticas e da transição energética. Segundo o site eleconomista, quem se mostra disponível para impedir a aprovação desta lei é a Comissão Europeia.

Adeus veículos a combustão
Adeus aos veículos a combustão?

O que acontece se esta lei for aprovada?

Esta nova legislação será apresentada ao parlamento até ao final de 2018 e colocaria Espanha numa ótima posição para cumprir as suas obrigações referente ao acordo de Paris.

De acordo com os últimos estudos, no ano 2015, Espanha emitiu mais de 339 milhões de toneladas de dióxido de carbono por ano. E, o grande objetivo do Governo é passar a emitir cerca de 230 milhões de toneladas em 2030. Isto significaria uma redução na ordem dos 30%.

A legislação ainda não é muito clara em relação aos hídridos plug-in. Apesar disso, o Governo Espanhol vai avançar com uma proposta para travar a circulação de veículos a gasóleo, a gasolina e híbridos, impedindo os cidadão de adquiri-los a partir de 2040.

Por sua vez, a França e o Reino Unido também já têm plano que apontam nesse sentido. A Dinamarca quer antecipar essa legislação e proibir a sua circulação a partir de 2030.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

1
DEIXE O SEU COMENTÁRIO

1 Comentários da discussão
0 Respostas aos comentários
1 Seguidores
 
Comentário mais ativo
Discussão mais ativa
1 Comentários dos autores
  Subscrever  
mais recente mais antigo mais votado
Notificação de
julio gomes

Finalmente um país onde há igualdade, ao contrário de Portugal, que só proibiu os pobres de poderem circular na Av da liberdade em Lisboa! A não ser que vão há noite para a bebedeira! Porque, segundo um estudo feito na assembleia da república, a cerveja não polui, e os carros de alta cilindrada que circulam lá todos os dias também não! O problema e quando um pobre vai a baixa uma vez por ano!