Novo tipo de Gasolina

Gilmar dos Reis criou gasolina sem usar petróleo e conseguiu que seja muito mais barata e potente, mas acabou por ser detido.

A empresa de Gilmar criou um novo tipo de gasolina, a gasolina genérica. No processo de fabrico desta gasolina, Gilmar, não usa petróleo, sendo que recorre a uma mistura de metanol e solventes. No entanto a dosagem e respetivo processo de produção ainda são desconhecidos.

Ora, a gasolina era deveras barata, sendo vendida a 3 reais o litro, que em euros é cerca de 0,68€, ou seja, sessenta e oito cêntimos (no momento em que este artigo, o preço da gasolina em Portugal ronda os 1,60 euros).

Segundo o delegado da 1ª DP, Tarcísio Kaltbach “Apuramos que a capacidade de produção era de pelo menos 10 mil litros por mês”.

A Fiscalização da Fundação Estadual de Proteção Ambiental foi chamada a investigar o caso, sendo que o engenheiro químico, Renato Zuchetti disse que “ficou comprovado que o combustível tem uma elevada eficiência carburante, tanto na baixa como na alta rotação”.

E por esse motivo, delegado Tarcísio Kaltbach considerou que “é impressionante. Chega com o tanque vazio, coloca a gasolina e sai normalmente. Estávamos diante de um professor pardal, que criou uma fórmula de gasolina sem ter como matéria prima o petróleo”.

No entanto e devido a tal invenção, e por ter sido apanhado em flagrante delito, o engenheiro químico, Gilmar dos Reis, com 57 anos de idade, acabou detido no seguimento da Operação Octanagem da 1ª Delegacia da Polícia de Novo Hamburgo e do Ministério Público de Porto Alegre.

O inventor, acabou detido por ser proibido de vender combustível sem autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

É caso para dizer que mais uma invenção benéfica para o ambiente, acabou por ser extinta…

Brasileiro cria “gasolina genérica” mais barata e potente……

Brasileiro cria “gasolina genérica” mais barata e potente… e é preso (assista)Mais detalhes: http://wp.me/p71B0W-2KM

Publicado por Liberdade Econômica em Sábado, 16 de Julho de 2016

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO...