BMW Campanha Técnica - Incêndio

Muitos são os fabricantes de automóveis que chamam à revisão milhões de viaturas devido a problemas de equipamentos ou no fabrico dos automóveis.

Neste caso a BMW vai receber para revisão 1,6 milhões de carros distribuídos por todo o mundo. O problema é grave e foi detetado nos carros fabricados entre os anos de 2010 a 2017, onde existe a possibilidade do líquido de refrigeração poder escapar e em casos extremos provocar um incêndio. Este problema no circuito de refrigeração dos gases do escape surge nos motores a Diesel nos modelos série 3, 4, 5, 6, 7, X3, X4, X5 e X6.

Em Portugal estima-se que os carros afetados sejam aproximadamente 25 mil unidades, onde é necessário efetuar uma campanha de correção técnica do problema já identificado pelo fabricante BMW.

Esta intervenção técnica não imputará nenhum custo aos proprietários dos automóveis afetados, sendo que o processo de correção demora segundo fonte oficial BMW cerca de 3 horas.

Qual é na realidade o problema nos carros BMW?

A ação técnica da BMW consiste em verificar o módulo EGR e a substituição de eventuais componentes danificados, segundo a BMW em alguns casos o radiador do módulo EGR (recirculação dos gases de escape) poderá apresentar fugas de líquido de refrigeração.

A acumulação do líquido de refrigeração quando combinado com outros resíduos, como por exemplo óleo e carvão pode transformar-se em combustível, nestes casos e como as temperaturas dos gases de escape neste componente são elevadas, o composto combustível pode inflamar, e que segundo a BMW em casos extremos pode originar um incêndio.

Em Agosto de 2018 foram já realizadas ações técnicas onde a BMW avançou com análises de casos individuais que não estavam incluídos inicialmente, sendo que segundo o fabricante “não demonstraram possuir qualquer tipo de risco significativo para os clientes”.

Apesar disso e mesmo com essas conclusões, o fabricante decidiu reduzir e minimizar o risco potencial ao máximo efetuando ações técnicas por todo o país, para assim manter a confiança dos atuais e futuros clientes na marca.

No conjunto das duas ações técnicas, a BMW vai envolver cerca de 1,6 milhões de automóveis espalhados por todo o mundo.

Na Europa existem cerca de 1.18 milhões de veículos afetados pelo problema, onde em Portugal são especificamente 20.084 as unidades identificadas como tendo o defeito.

Todos os clientes que sejam proprietários dos veículos afetados serão, garante a BMW contatados pelos serviços da marca de forma a marcar a realização da campanha técnica.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

  Subscrever  
Notificação de