Siemens adquire líder mundial em energia solar térmica

A Siemens AG adquiriu a Solel Solar Systems Ltd, uma empresa de energia solar térmica cujo capital é detido na sua maioria pela Ecofin Ltd e um outro shareholder maioritário. A operação deverá decorrer até ao final do ano e rondará os 418 milhões de dólares.

De acordo com Peter Löscher, Presidente e CEO da Siemens AG “após a rápida e bem sucedida expansão do nosso negócio na área da energia eólica, queremos continuar esta história de sucesso no sector da energia solar”.

Para o responsável máximo da empresa, esta aquisição é mais uma etapa cumprida no objectivo de consolidar a Siemens como líder mundial em tecnologias “verdes”:”com a aquisição da Solel, a Siemens fortalece a sua posição de mercado no promissor negócio das fábricas de energia solar térmica e enriquece o seu já extenso Portfólio Ambiental”, sustentou.

Com mais de 500 colaboradores, a Solel Solar Systems é um dos líderes no fornecimento de receptores solares. Esta empresa tem registado um acentuado crescimento, com receitas a totalizar os 90 milhões de dólares no primeiro semestre de 2009, sendo também líder no planeamento e construção de campos de energia solar.

Com um preço de aquisição de 418 milhões de dólares (o equivalente a 284 milhões de euros à taxa de 1.47 US$), a transacção será sujeita à aprovação das respectivas autoridades. Antecipa-se que a concretização do negócio decorra até ao final do presente ano civil.

Recorde-se que até 2020, o mercado da energia solar térmica terá taxas de crescimento de dois dígitos ao ano e obterá um volume de mais de 200 mil milhões de euros. No futuro, as zonas estratégicas de crescimento deverão ser os E.U.A., África do Sul, Austrália, Espanha, Índia, África do Norte e Médio Oriente.

Ao nível do mercado fotovoltaico, a Siemens Portugal dispõe de soluções integradas globais, incluindo inversores Sinvert, autómatos / redes SIMATIC e sistemas de supervisão WinCC, com acesso local e remoto via Internet. O desenvolvimento do software e dos projectos eléctricos são totalmente desenvolvidos por engenheiros nacionais da empresa.

De entre os resultados obtidos na sequência desta aposta, destaque para o recente parque no Santuário de Fátima e para os projectos fotovoltaicos nos Parques Solares de Ferreira do Alentejo (dois parques de (8+4) MWp e 10MWp cada, para diferentes investidores), Serpa (11MWp), Almodôvar (2,15MWp) e Alqueva (65 kWp).

Os produtos e soluções para fábricas de energia solar térmica são parte integrante do Portfólio Ambiental da Siemens, com os quais a empresa atingiu os 19 mil milhões de euros no ano fiscal de 2008 – cerca de um quarto das receitas totais da Siemens – fazendo da Siemens o maior fornecedor mundial de tecnologias amigas do ambiente.

COMPARTILHAR