Queima das Fitas de Coimbra Compensa Emissões Provocadas pelo Evento

Vantagens e Desvantagens das Energias Renovaveis

A 110ª edição da Queima das Fitas de Coimbra irá compensar as emissões resultantes dos oito dias do evento, tornando-se na primeira eco-Queima das Fitas.

No âmbito da iniciativa, serão plantadas 4200 árvores com o apoio da Vodafone e a colaboração da Câmara Municipal de Coimbra.

As 4200 árvores são suficientes para compensar as 1270 toneladas de dióxido de carbono que serão emitidas durante os oito dias que dura a Queima das Fitas.

A pegada de carbono da iniciativa, calculada pela consultora Ecoprogresso, resulta da produção da electricidade consumida no recinto, dos transportes utilizados pelos estudantes e pelas bandas e do tratamento dos resíduos produzidos no evento.

Queima das Fitas Coimbra

O apoio da Vodafone, concedido no âmbito do programa de responsabilidade social da empresa de telecomunicações, no montante de 25 mil euros, será canalizado para um projecto de requalificação de uma área verde no perímetro urbano da cidade de Coimbra, no qual se inclui a plantação de árvores.

As primeiras 110 árvores, dedicadas a cada uma das 110 edições da Queima das Fitas de Coimbra, serão plantadas já no dia 5 de Maio, no Parque Verde do Mondego.

COMPARTILHAR