Primeiro parque temático de energias renováveis do país abre em Loures

Vantagens e Desvantagens das Energias Renovaveis

Moinhos de vento, aerogeradores, painéis solares. Estes são apenas alguns dos equipamentos que podem ser encontrados, a partir de hoje, no primeiro parque temático do país vocacionado para as energias renováveis que abre em Loures.

O parque temático de energias renováveis de Loures situa-se no Parque Urbano de Santa Iria da Azóia, criado em 2000 num espaço que serviu de aterro à Valorsul entre os anos de 1988 e 1996, e que viria a ser recuperado e reconvertido nos anos seguintes.

Neste espaço encontrava-se já, desde 2006, uma horta solar, um projecto impulsionado pelo Gabinete Técnico Florestal da Câmara de Loures, que em Junho do ano passado recebeu uma menção honrosa da Direcção-Geral das Autarquias Locais pelas boas práticas na área do ambiente, tendo-lhe sido atribuído, o terceiro lugar do concurso de projectos inovadores na área da Sustentabilidade Local.

“Sempre foi nossa intenção depois deste projecto da horta solar alargar a área de sensibilização ambiental, essencialmente direccionado para as crianças que têm oportunidade de contactar com as diferentes formas de utilização das energias renováveis”, explicou à Lusa o vereador do Ambiente da autarquia, João Galhardas.

O parque temático é constituído por um pólo de demonstração de equipamentos, espalhados por 24 hectares, como moinhos de vento, aerogeradores, e painéis solares que se encontram em funcionamento e mostram aos visitantes todo o processo de recolha e transmissão de energia.

Parque temático de energias renováveis

No domínio da energia solar o parque terá painéis fotovoltaicos, e quanto à energia eólica, foi construído um moinho de vento típico. Nas cabanas do PTER, alimentadas por aerogerador e paineis solar fotovoltaicos, os utentes poderão carregar telemóveis, trabalhar com computadores portáteis, ouvir música, ligar consolas de jogos, etc.

Para complementar este Parque Temático, uma mini-hídrica instalada no pequeno lago do Parque Urbano irá produzir energia eléctrica.

“Um dos exemplos do aproveitamento energético que se faz, é a água quente das casas de banho que é aquecida pela energia transmitida por um painel solar”, exemplificou.

O parque temático de energias renováveis de Loures resulta de um investimento de cerca de 1,5 milhões de euros, repartidos entre a autarquia e várias empresas que patrocinaram a sua construção.

FONTE: ECOSFERA.PUBLICO