Plano de poupança da eficiência energética pode gerar poupanças de 204 milhões de euros

fundo-eficiencia-energetica-adene

A ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos lançou a terceira edição do Plano de Promoção da Eficiência no Consumo de Energia Eléctrica 2009 -2010 (PPEC).

O documento aprova 50 medidas que serão implantadas por 21 promotores e que permitirão poupar cerca de 3 004 GWh, o que equivale ao consumo anual de um milhão de famílias.

Também serão evitadas as emissões de um milhão de toneladas de CO2, promovendo um benefício social de 204 milhões de euros.

O PPEC tem como objectivo apoiar financeiramente medidas que visem melhorar a eficiência no consumo de energia eléctrica, através de acções empreendidas por promotores elegíveis – comercializadores, operadores de redes, agências de energia, associações de consumidores, associações municipais, associações empresariais, instituições de ensino superior e centros de investigação.

As 50 acções aprovadas resultam de 135 medidas específicas propostas, que foram sujeitas a um concurso de selecção. A presente edição do PPEC reflecte uma maior diversidade de promotores com medidas aprovadas, envolvendo uma forte presença de promotores de carácter regional, nomeadamente agências regionais de energia, com 30 por cento das medidas aprovadas, assim como de associações de consumidores e de associações empresariais, com 10 por cento das medidas aprovadas.

Com uma dotação orçamental anual de 11,5 milhões de euros, 78 por cento foi para medidas tangí veis (que visam a instalação de equipamento com um ní vel de eficiência superior ao standard de mercado, com reduções de consumo mensuráveis) e o restante para medidas intangíveis (destinadas á  disseminação de informação acerca de boas práticas no uso eficiente de energia eléctrica, com o objectivo de promover mudanças de comportamentos).

As medidas vão permitir apoiar 3,7 milhões de lâmpadas fluorescentes compactas (LFC); 500 painéis solares; 270 mil lâmpadas fluorescentes tubulares; 63 mil LED; e 1 500 auditorias ou diagnósticos energéticos.