Gamesa planeia Novos Mercados com actual Crise Europeia na Energia Eolica

O fabricante espanhol de aerogeradores Gamesa divulgou nesta quinta-feira (7/10), em apresentação aberta aos investidores, o seu plano de negócios para o período entre 2011 e 2013.

A companhia quer crescer 15% ao ano no período e atingir vendas de 4.000MW em aerogeradores em 2013.

Os espanhóis, porém, prevêem uma queda de suas actividades na Europa e pretendem compensar o resultado com o investimento em mercados emergentes. Entre esses, China, Índia e Brasil são apontados como os mais promissores.

A expectativa da Gamesa é de expandir em 15% suas vendas nos Estados Unidos. Na China, o crescimento seria de 20% e, na Índia, de 166%. Já os contratos para a América Latina devem ter uma alta de 50% até 2013, com grande participação brasileira.

Na União Europeia, a previsão é de uma queda de 20% nos negócios até 2013. A retracção é calculada com base na desaceleração do mercado e nas incertezas regulatórias, principalmente na região Sul do continente.

Em seu plano de negócios, a companhia explica que o objetivo é aproveitar as oportundiades em países já com grandes recursos eólicos – como a China e os Estados Unidos – e ampliar os investimentos e a presença de fábricas em mercados em crescimento, onde são apontados como exemplos Índia e Brasil.

Na Europa, a estratégia é reduzir a capacidade produtiva, que passaria dos actuais 2.200MW para 1.000MW em 2013.

Na América do Sul, a ideia é ter a capacidade de fabricação anual de 300MW em equipamentos.