Exemplo modelo de estrutura para relatório de auditoria energética

etiqueta-energetica-labelpackplus

A auditoria energética ás condições de utilização da energia numa instalação consumidora ficará concluída, com a elaboração do respectivo relatório.

Este documento deverá apresentar, ao gestor da empresa, e ao gestor de energia, toda a informação (recolhida e tratada) de uma forma organizada e coerente.

Na elaboração deste relatório deverá ter-se em consideração que a auditoria energética constitui um instrumento fundamental para o início de um processo continuado de gestão da energia na empresa auditada.

Uma estrutura, possível, para um relatório de auditoria energética poderá ser a que se apresenta no modelo que apresentamos de seguida.

Modelo de estrutura para um Relatório de Auditoria Energética

Informação básica sobre a instalação

Elementos referentes à identificação da instalação e à sua evolução nos últimos anos.

  • Ficha de identificação
  • Fluxograma dos processos produtivos
  • Matérias-primas e recicladas
  • Frota de transportes
  • Produtos finais e subprodutos
  • Consumos de energia

Contabilidade energética

Elementos sobre os vários aspectos relacionados com os consumos e gestão de energia da instalação.

  • Consumos por forma de energia
  • Gráficos
  • Electricidade auto-produzida
  • Geração combinada de calor e electricidade (cogeração)
  • Gestão de energia
  • Problemas de conservação de energia

Exame da instalação

Estudo das condições de utilização de energia por tipo de produto, por processo e por sector.

Análise dos equipamentos consumidores intensivos de energia

— Fluxograma por equipamento
— Descrição do equipamento e medições efectuadas
— Balanços de massa e energia (cálculos)
— Representação dos balanços
— Fluxogramas de massa/energia por equipamento
— Consumo específicos de energia por equipamento
— Comentários e potenciais economias de energia de cada equipamento
— Eficiência energética do equipamento.

Análise dos vários sectores da instalação fabril

— Fluxogramas de massa e energia de cada sector
— Consumo específico por sector
— Comentário e quantificação de potenciais economias de energia
— Desagregação dos consumos por forma de energia para cada um
— dos sectores
— Eficiência energética do sector.

Análise global da instalação

— Fluxograma energético da instalação
— Quadro resumo das perdas existentes
— Desagregação dos consumos por forma de energia
— Eficiência energética
— Consumo específico
— Potenciais economias de energia
— Quadro resumo da desagregação de energia por produto final
— Quadro resumo da desagregação de energia por sector
— Quadro resumo da desagregação de energia do processo de produção
— Consumo específico desagregado por forma de energia

Economias da energia

Estudo de potenciais economias de energia e sua justificação técnico-económica.

  • Análise e descrição das soluções com a respectiva quantificação energética
  • Avaliação técnico-económica das soluções propostas
  • Proposta de plano de investimentos devidamente hierarquizado
  • Proposta de um sistema organizado de gestão de energia

Conclusão

Resumo dos aspectos relevantes.

  • Aspectos mais relevantes da auditoria
  • Resumo técnico-económico das soluções preconizadas
  • Recomendações finais

Recomendamos também a leitura do artigo – A importância e as fases de uma auditoria energética.

Autor – João de Jesus Ferreira, Setembro de 2012