Encontrado Defeito Estrutural em Parques Eólicos OffShore

wind-power-offshore

Foi detectado em algumas centenas de aerogeradores offshore uma falha de projecto na estrutura das torres. Este defeito permite que as torres se movimentem e deslizem das suas respectivas bases.

Os fabricantes dos aerogeradores e os Operadores dos Parques Eólicos acreditam que encontrar uma solução poderá levar alguns meses e um custo associado de milhões de euros.

O fabricante de aerogeradores Sueco Vattenfall está igualmente investigando três dos Parques Eólicos OffShore, mas recusa-se a comentar sobre o tempo e custos envolvidos nas inspecções.

O problema com os aerogeradores envolve as torres construídas usando reboco, que é uma mistura do cimento, da areia e de cascalho, para unir os aerogeradores à sua base.

Nos piores casos as super-estruturas dos aerogeradores terá hipoteticamente sofrido um movimento de alguns centímetros relativamente à sua base, após a sua instalação.

Este é um problema geral e está relacionado ao projecto industrial e não esteja afectando apenas um modelo particular. Entretanto, não são esperados atrasos em novos projectos nem uma paragem na produção onde este problema foi detectado.

Ainda se desconhece qual será efectivamente o impacto deste problema num futuro próximo.