Crédito especializado para energias renováveis

energias-renovaveis

Grande parte dos países desenvolvidos consomem mais energia do que aquela que produzem internamente e, por esse motivo, têm necessidade de comprar ao estrangeiro, aumentando deste modo as suas importações.

Uma solução para combater esta ineficiência energética é a aquisição de equipamentos de energias renováveis. Para além de trazerem benefícios a nível ambiental, possuem também vantagens a nível económico para quem adquire este tipo de sistemas, pois permitem reduzir bastante os custos com energia elétrica que ao fim de alguns anos se traduz numa grande poupança anual.

As energias renováveis não são contudo, uma solução barata e de fácil acesso a todos os portugueses. Por isso, foi criado um crédito especializado para a aquisição de equipamentos de energias renováveis, de forma a ajudar todos aqueles que queiram colocar estas novas fontes de energia em sua casa.

Com o intuito de o ajudar a tomar a melhor decisão, o ComparaJá.pt apresenta todas as instituições financeiras com crédito especializado para energias renováveis.

Banif

  • Montante de financiamento entre 3.000€ até 30.000€;
  • Taxa de juro: Euribor 3M
  • Prazo até 90 meses incluindo 6 meses de carência de capital.
  • TAEG: 5,4%

Crédito Agrícola

  • Montante de financiamento entre 2.500€ até 30.000€;
  • Pagamento em prestações mensais;
  • Prazo entre 24 a 84 meses.

Santander Totta

  • Montante de financiamento entre 3.000€ até 8.000€;
  • Taxa de juro: Euribor 12M + spread de 2%
  • Prazo entre 24 a 96 meses. Contudo está sujeito à seguinte regra: a soma da idade do Cliente com o prazo tem de ser igual ou inferior a 72 anos.

Montepio

  • Financiamento a 100%:
  • Montante de financiamento mínimo de 2.000€ e montante máximo de 10.000€;
  • Prazo máximo de 120 meses;
  • Modalidades de prestação e amortizações: prestações constantes e possibilidade de amortizações antecipadas totais ou parciais.

Ao aderir, terá benefícios fiscais que permitem a dedução à coleta, em sede de IRS de 30% das despesas com equipamentos associados às energias renováveis.

Através da descrição acima, consegue ver quais são as opções disponíveis no mercado. Porém, não é assim tão fácil conseguir comparar as quatro instituições financeiras no que diz respeito a qual será a mais adequada para si e qual apresenta a melhor solução.

Com base numa simulação feita na plataforma de comparação para crédito pessoal especializado do ComparaJá.pt, para um montante de 6.000 euros, com um prazo de 36 meses, a melhor solução apresentada é a do Santander Totta. Esta apresenta um montante total imputado de 6.360 euros, com uma TAEG de 3,69%.

Quanto ao valor da prestação mensal para esta solução de crédito, ficar-lhe-ia por 177 euros. Para além disso, ao aderir a esta solução de crédito tem a possibilidade de escolher o dia em que quer pagar a mensalidade. A segunda melhor opção é o Montepio com um total imputado de 6.422 euros e por último o Banif com um total imputado de 6.469 euros.

Não se esqueça que, para além de estar a ajudar o ambiente, está a ajudar as suas finanças pessoais. A aquisição de um equipamento de energia renovável é um grande investimento inicial, mas muito depressa tem o seu retorno através do que vai poupar em energia.

COMPARTILHAR