Bateria Liquida torna Energias Renováveis mais Eficientes

Bateria Liquida torna Energias Renováveis mais Eficientes

Donald Sadoway é o responsável pelo estudo que envolve a melhoria da eficiência de baterias por metal líquido com a utilização de energia renovável.

É um vídeo em que, além de se ter a explicação de como acontece esse fenómeno, Donald traz inspiração e evidencia que para alcançar estes avanços tecnológicos, experiência profissional foi a última característica de sua equipa, composta somente por estudantes do MIT.

A falta de Sol ou vento provoca variações na produção de energia, e estas variações têm de ser repostas imediatamente por outras centrais para equilibrar a produção de energia, com o respectivo consumo da rede.

Mas nem as centrais de fósseis, ou as centrais nucleares conseguem repor a energia imediatamente.

Segundo o Dr. Donald Sadoway, professor no MIT, se existir uma bateria entre as renováveis e a rede eléctrica, desaparecem as actuais variações abruptas de energia, tornando o sistema eléctrico mais eficiente.

Com o auxilio de vários estudantes com e sem graduações, a equipa do Dr Sadoway conseguiu desenvolver a tecnologia e criar uma bateria com grande capacidade de armazenamento e custo de produção baixo.

httpv://www.youtube.com/watch?v=Sddb0Khx0yA

O primeiro modelo “Shotglass“, tem capacidade para armazenar cerca 1Wh, mais tarde com o “Hookey puck” com 20Wh, e finalmente com o “Saucer” de 200Wh, provou-se a escalabilidade da tecnologia.

Para acelerar o processo, Dr Sadoway e dois dos seus estudantes fundaram a LMBC (Liquid Metal Battery Corporation), onde produzem baterias circulares com cerca de 40 cm de diâmetro, e capacidade de 1000 Wh (1 kWh),  e já está em produção a “bistro table” com 4000 Wh (4kWh) de capacidade.

A escalabilidade possibilita pensar no futuro, e já está planeado um modelo no formato dos contentores de mercadorias comerciais, com capacidade de 2 MWh, suficiente para alimentar mais de 200 habitações.