ADENE apresenta fundo de 5 milhões euros para eficiência energética

fundo-eficiencia-energetica-adene

A agência para a Energia ADENE anunciou a apresentação pública do Fundo de Eficiência Energética (FEE) dotado com uma capacidade de 5 milhões de euros.

O FEE apoia projectos “que contribuam para a redução do consumo de energia em áreas como os transportes, edifícios, prestação de serviços, indústria e serviços públicos, com o objectivo de reduzir o consumo final de energia, de forma eficiente e optimizada”, segundo comunicado de imprensa da ADENE.

Encontra-se aberto o 1º aviso do FEE, que vai financiar investimentos em edifícios de habitação multifamiliar, integrados em condomínios, que promovam o aumento do desempenho energético, nomeadamente a instalação de sistemas solares térmicos e vãos envidraçados eficientes.

A dotação total para o aviso “Condominio.E” é de 5 milhões de euros.

A este aviso podem candidatar-se as Empresas de Serviços Energéticos (ESE), ou outras que representem condomínios ou condóminos, sendo que a apresentação das candidaturas processa-se por concurso, mediante submissão de candidaturas online até 1 de Junho próximo.

O Fundo de Eficiência Energética é um instrumento financeiro que foi criado através do Decreto-Lei n.º 50/2010, de 20 de Maio, o qual tem como objectivo financiar os programas e medidas previstas no Plano Nacional de Acção para a Eficiência Energética (PNAEE), incentivar a eficiência energética, por parte dos cidadãos e das empresas, apoiar projectos de eficiência energética e promover a alteração de comportamentos, neste domínio.